canto

Menina, amanhã de manhã – Tom Zé

Uma belíssima canção do compositor Tom Zé, escrita em 1972, que fala veladamente da ditadura militar (1964-1985). Choro de Rua convida Tatiana Valle para uma versão fresca e genuina a duas vozes de Menina, amanhã de manhã, canção em que emerge um Brasil que muitos não conhecem bem, uma raiz imersa na terra, densa e preciosa. Boa audição e boa reflexão! Tatiana Valle – voz Barbara Piperno – voz e flauta Marco Ruviaro – violão 7 cordas

Compartilhe!

Tua imagem, Canhoto da Paraíba

Canhoto da Paraíba foi um gênio das cordas. Tocando ao contrário, com as cordas “ao avesso”, ele fazia o violão soar como ninguém — peculiaridade que não compromete em nada a sua genialidade musical; muito pelo contrário, exalta-a. A vasta obra musical de Canhoto da Paraíba extrapola o universo violonístico. Tua imagem, um choro-canção originalmente instrumental, recebe aqui uma bela poesia do Yure Romão, músico brasileiro radicado em Paris que tive o privilégio de conhecer há alguns anos nas rodas de choro parisienses. Yure Romão, voz e violão Marco Ruviaro, bandolim Nem precisa dizer que o vídeo fora gravado nos…

Compartilhe!

Pranto de poeta, Nelson Cavaquinho e Guilherme de Brito

Quem nunca ouviu falar em Mangueira, bom sujeito não é : ) morro, escola de samba, bairro, estação de trem, berço de grandes nomes do samba, o nome Mangueira é recorrentemente homenageado no repertório do samba por mestres como Cartola, Carlos Cachaça, Nelson Cavaquinho e outros. A parceria Nelson Cavaquinho e Guilherme de Brito rendeu algumas pérolas que entraram para a história do samba; uma delas é Pranto de Poeta, uma homenagem à Mangueira e seus artistas. Os sambas do mestre Nelson caem sempre bem na voz do grande amigo e músico Rogerio Tavares, potiguar radicado em Bolonha! Para completar…

Compartilhe!

La rondine, Cristina Renzetti e Marco Ruviaro

Acho que o Adoniran iria ficar contente… tem sambinha italiano na praça! Trata-se de La rondine, que cá apresento ao lado da maravilhosa amiga e cantora Cristina Renzetti! Fiquei sabendo da existência dessa música somente há pouco mais de um mês (é duro ser ignorante, admito XD) pela voz da própria Cristina que, ademais, é a autora da versão em italiano deste samba — cujo tema original se chama Minha andorinha e foi escrito por Bia Krieger, compositora que não conheço pessoalmente mas que já tem toda a minha estima. Diz-se que ouviu-se por entre os pórticos de Bolonha o…

Compartilhe!

Acontece, Cartola

Havia bem uns dez anos que eu não tocava com o Paulinho. Façamos alguns vídeos, disse-se; recorrer aos mestres da nossa música seria decerto uma boa pedida. Hoje, pois, vamos de Cartola. Este vídeo foi gravado em março de 2020, em São Paulo, marcando a estréia do meu novo bandolim 8 cordas nas produções dos Estúdios Chorísticos Irineu de Almeida — esse bandolim é uma maravilha construída pelo amigo e grande luthier Agnaldo Luz. Paulo Veríssimo, violão e voz Marco Ruviaro, bandolim

Compartilhe!
Dino 7 Cordas, 100 anos

Dino 7 Cordas, 100 anos

Os Estúdios Chorísticos Irineu de Almeida orgulhosamente promovem uma Roda de Choro em homenagem ao maestro Horondino Silva, o imortal Dino 7 Cordas, que completaria 100 anos neste mês. O seu aniversário é no dia 5, mas por questões logísticas as comemorações cá na Itália ocorrerão no dia seguinte! Portanto, todos à Roda de Choro em Bolonha no domingo, dia 6 de maio de 2018, a partir das 19h! Quem foi Dino? Violonista, reconhecido como grande responsável pelo desenvolvimento e pela consolidação da linguagem do violão de 7 cordas. Foi integrante do Regional do Benedito Lacerda, do Regional do Canhoto…

Compartilhe!
Roda de Choro de Bolonha com Beth Fadel

Roda de Choro de Bolonha com Beth Fadel

Nonostante la tradizionale nebbiolina padana autunnale, non ci mancano motivi per sorridere a Bologna: giovedì 12 ottobre 2017 ci sarà la nostra stupefacente Roda de Choro che questa volta si pregerà di un ospite d’onore, l’eccelentissima pianista brasiliana Elizabeth Fadel, direttamente da Rotterdam! Beth ha una formazione classica, choristica e non solo… e come se non bastasse è pure multistrumentista: pianista, clavicembalista, pandeirista, cantante, cavaquinista e chissà quant’altre sorprese non ci riserva! Date un’occhiata al suo canale Youtube per avere un’idea della sua infinita e raffinata musicalità! Genti bolognesi amanti della mortadella e del sangiovese, vegani, pastari, fruttari, venite tutti!…

Compartilhe!
Estréia da polca “La mortadella”

Estréia da polca “La mortadella”

Dentre as tantas composições que venho fazendo ultimamente, uma delas é dedicada à Roda de Choro de Bolonha, uma realidade que vem se estabelecendo já há alguns anos, e que tomou ainda mais força a partir do final de 2016. Com encontros semanais, músicos de várias partes, várias horas de música, achei que a Roda de Choro de Bolonha merecia ter uma música sua! Entre agosto e setembro de 2017 escrevi uma polca, denominada La Mortadella, em homenagem a essa espécie de salame róseo cujos detalhes não saberia descrever, mas que todos conhecem. Os bolonheses orgulhosamente afirmam que a mortadela…

Compartilhe!
1 of 3
123