bandolim

Lua branca, Chiquinha Gonzaga

The waltz Lua Branca is a classic by the Brazilian pianist and composer Chiquinha Gonzaga. Francisca Edwiges Neves Gonzaga was one of the most important women for the Brazilian music. She left her aristocratic family and way of life to fully dedicate herself to the music, in a time when being a professional musician was hard for a man; for a woman, it was something socially unacceptable. Her large repertoire is made up of polkas, waltzes, Brazilian tangos and so on. Some of her compositions became very famous and her music is played by any kind of musicians, from traditional…

Compartilhe!

Marxixe, José Miranda

Certa feita, o caro companheiro de chorismos José Miranda me mandou um zap dizendo “Marquito, fiz uma música pra você, espero que você goste”. Logo nas primeiras notas já saquei que era um maxixão daqueles estilosos, e na mesma hora eu já comecei a estudá-la. Enquanto isso, o Zé já foi agilizando um quarteto. Poucos dias depois, tava gravado o vídeo! Como tudo isso aconteceu em plena pandemia, o Marxixe foi gravado à distância… mas o groove amaxixado proporcionado pelo violão, pelo cavaco e pelo pandeiro ficou impecável! Assista ao vídeo agora mesmo no YouTube! Marco Ruviaro, bandolim José Miranda,…

Compartilhe!

Acontece, Cartola

Havia bem uns dez anos que eu não tocava com o Paulinho. Façamos alguns vídeos, disse-se; recorrer aos mestres da nossa música seria decerto uma boa pedida. Hoje, pois, vamos de Cartola. Este vídeo foi gravado em março de 2020, em São Paulo, marcando a estréia do meu novo bandolim 8 cordas nas produções dos Estúdios Chorísticos Irineu de Almeida — esse bandolim é uma maravilha construída pelo amigo e grande luthier Agnaldo Luz. Paulo Veríssimo, violão e voz Marco Ruviaro, bandolim

Compartilhe!

Greve geral

Chers chorões de France! Puisque je n’ai pas pu me rendre à Paris le weekend dernier (pour cause de grève), j’ai mis à profit mon temps libre et composé Greve geral (Grève générale), que je dédie à vous tous! Très important: dans la troisième partie, les musiciens sont en grève! J’espère que vous aimerez ce choro et le jouerez dans les rodas françaises! Baixar GREVE GERAL em PDF (instrumentos em C) Baixar GREVE GERAL em PDF (instrumentos em Bb) NB2: os parágrafos acima em francês não teriam sido possíveis sem a preciosa ajuda de Cléa Thomasset!

Compartilhe!

Eu quero é sossego, K-Ximbinho

Um novo vídeo gravado nos Estúdios Chorísticos Irineu de Almeida, aproveitando a visita do José Vicente Miranda a Bolonha: Eu quero é sossego, um belíssimo choro escrito pelo clarinetista brasileiro K-Ximbinho, um dos nossos mestres do Choro. Barbara Piperno, flauta Marco Ruviaro, bandolim José Vicente Miranda, violão 7 cordas Afinal, quem foi K-Ximbinho? Clarinetista, compositor, arranjador. participou da Orquestra Tabajara, regido por Severino Araújo, e da orquestra do maestro Fon-Fon (dois nomes importantíssimos para a música brasileira). Mais detalhes no Dicionário da MPB.

Compartilhe!
Regional Matuto

Regional Matuto

Choro ist also die Seele der brasilianischen Musik, Choro lebt aber auch und vor allem vom kreativen Spiel und der improvisatorischen Art und Weise miteinander zu musizieren. Alle wichtigen brasilianischen Komponisten berufen sich auf den Choro von Villa-Lobos bis Ernesto Nazareth, von Tom Jobim bis Egberto Gismonti, von Chico Buarque bis Guinga. Choro entstand im ausgehenden 19. Jahrhundert im damals kulturellen und wirtschaftlichen Zentrum Brasiliens in Rio de Janeiro. Die populären Musiker jener Zeit luden das Repertoire der europäischen Tanzmusik, den Walzer, den Schottisch und vor allem die Polka mit afrikanischen Rhythmen auf. Der Choro integriert bis heute alle bedeutenden…

Compartilhe!
Dino 7 Cordas, 100 anos

Dino 7 Cordas, 100 anos

Os Estúdios Chorísticos Irineu de Almeida orgulhosamente promovem uma Roda de Choro em homenagem ao maestro Horondino Silva, o imortal Dino 7 Cordas, que completaria 100 anos neste mês. O seu aniversário é no dia 5, mas por questões logísticas as comemorações cá na Itália ocorrerão no dia seguinte! Portanto, todos à Roda de Choro em Bolonha no domingo, dia 6 de maio de 2018, a partir das 19h! Quem foi Dino? Violonista, reconhecido como grande responsável pelo desenvolvimento e pela consolidação da linguagem do violão de 7 cordas. Foi integrante do Regional do Benedito Lacerda, do Regional do Canhoto…

Compartilhe!
Dia do Choro, dia de roda em Bolonha

Dia do Choro, dia de roda em Bolonha

O dia do choro é lembrado também na Itália, claro! Os chorões de Bolonha, grandes defensores da modernidade e da tradição chorística nos seus mais intrínsecos significados, não poderiam não aproveitar a deixa do dia nacional do Choro, data escolhida por ser um dos possíveis dias de nascimento do Pixinguinha. Sim, porque a data exata de seu nascimento sempre gerou controvérsias. O próprio Pixinguinha dizia ter nascido em 1898. Descobriu-se posteriormente que, na realidade, era um anos antes… 1897. Com relação ao dia exato, sempre se acreditou que fosse o dia 23 de abril, o que gerou inclusive o estabelecimento…

Compartilhe!
2 of 16
123456