bandolim

Eu quero é sossego, K-Ximbinho

Um novo vídeo gravado nos Estúdios Chorísticos Irineu de Almeida, aproveitando a visita do José Vicente Miranda a Bolonha: Eu quero é sossego, um belíssimo choro escrito pelo clarinetista brasileiro K-Ximbinho, um dos nossos mestres do Choro. Barbara Piperno, flauta Marco Ruviaro, bandolim José Vicente Miranda, violão 7 cordas Afinal, quem foi K-Ximbinho? Clarinetista, compositor, arranjador. participou da Orquestra Tabajara, regido por Severino Araújo, e da orquestra do maestro Fon-Fon (dois nomes importantíssimos para a música brasileira). Mais detalhes no Dicionário da MPB.

Acerta o passo, Pixinguinha

Obra-prima de Pixinguinha, uma bela polca chamada Acerta o passo – é preciso estar atento para, justamente, não perder o passo. Gravada nos Estúdios Chorísticos Irineu de Almeida (Bolonha, Itália), em janeiro de 2019, em ocasião da visita do violonista José Vicente a Bolonha. Rodas de choro, gravações, boa música. Marco Ruviaro, bandolim José Vicente Miranda, violão 7 cordas Essa polca-choro é bastante tradicional como estrutura, tonalidades, modulações etc. Porém, é uma pérola de composição sob qualquer aspecto: fluência melódica, surpresas harmônicas, contraste entre as diversas partes, enfim, uma obra-prima. Mais uma de Pixinguinha.

Regional Matuto

Regional Matuto

Choro ist also die Seele der brasilianischen Musik, Choro lebt aber auch und vor allem vom kreativen Spiel und der improvisatorischen Art und Weise miteinander zu musizieren. Alle wichtigen brasilianischen Komponisten berufen sich auf den Choro von Villa-Lobos bis Ernesto Nazareth, von Tom Jobim bis Egberto Gismonti, von Chico Buarque bis Guinga. Choro entstand im ausgehenden 19. Jahrhundert im damals kulturellen und wirtschaftlichen Zentrum Brasiliens in Rio de Janeiro. Die populären Musiker jener Zeit luden das Repertoire der europäischen Tanzmusik, den Walzer, den Schottisch und vor allem die Polka mit afrikanischen Rhythmen auf. Der Choro integriert bis heute alle bedeutenden…

Dino 7 Cordas, 100 anos

Dino 7 Cordas, 100 anos

Os Estúdios Chorísticos Irineu de Almeida orgulhosamente promovem uma Roda de Choro em homenagem ao maestro Horondino Silva, o imortal Dino 7 Cordas, que completaria 100 anos neste mês. O seu aniversário é no dia 5, mas por questões logísticas as comemorações cá na Itália ocorrerão no dia seguinte! Portanto, todos à Roda de Choro em Bolonha no domingo, dia 6 de maio de 2018, a partir das 19h! Quem foi Dino? Violonista, reconhecido como grande responsável pelo desenvolvimento e pela consolidação da linguagem do violão de 7 cordas. Foi integrante do Regional do Benedito Lacerda, do Regional do Canhoto…

Dia do Choro, dia de roda em Bolonha

Dia do Choro, dia de roda em Bolonha

O dia do choro é lembrado também na Itália, claro! Os chorões de Bolonha, grandes defensores da modernidade e da tradição chorística nos seus mais intrínsecos significados, não poderiam não aproveitar a deixa do dia nacional do Choro, data escolhida por ser um dos possíveis dias de nascimento do Pixinguinha. Sim, porque a data exata de seu nascimento sempre gerou controvérsias. O próprio Pixinguinha dizia ter nascido em 1898. Descobriu-se posteriormente que, na realidade, era um anos antes… 1897. Com relação ao dia exato, sempre se acreditou que fosse o dia 23 de abril, o que gerou inclusive o estabelecimento…

Roda de Choro – spéciale “Mes amis de Paris”

Roda de Choro – spéciale “Mes amis de Paris”

Nonostante la tradizionale nebbiolina padana autunnale, non ci mancano motivi per sorridere a Bologna: domenica prossima, 29 ottobre, ci sarà la nostra sempre epustuflante RODA DE CHORO che questa volta si pregerà di tre ospiti d’onore, gli eccelentissimi Flavien Soyer, (mandolino), José Ferreira (chitarra 7 corde) e Giulia Tamanini (sax), direttamente da Parigi! Genti bolognesi amanti della mortadella e del sangiovese, vegani, pastari, fruttari, venite tutti! Per ascoltare, per suonare, per conoscere noi, per conoscere i nostri amici parigini, per ballare, per un abbraccio, per un bacio, per offrirci una birra, per incontrarci e salutarci… — Musicisti, vi aspettiamo numerosi…

Roda de Choro de Bolonha com Beth Fadel

Roda de Choro de Bolonha com Beth Fadel

Nonostante la tradizionale nebbiolina padana autunnale, non ci mancano motivi per sorridere a Bologna: giovedì 12 ottobre 2017 ci sarà la nostra stupefacente Roda de Choro che questa volta si pregerà di un ospite d’onore, l’eccelentissima pianista brasiliana Elizabeth Fadel, direttamente da Rotterdam! Beth ha una formazione classica, choristica e non solo… e come se non bastasse è pure multistrumentista: pianista, clavicembalista, pandeirista, cantante, cavaquinista e chissà quant’altre sorprese non ci riserva! Date un’occhiata al suo canale Youtube per avere un’idea della sua infinita e raffinata musicalità! Genti bolognesi amanti della mortadella e del sangiovese, vegani, pastari, fruttari, venite tutti!…

Estréia da polca “La mortadella”

Estréia da polca “La mortadella”

Dentre as tantas composições que venho fazendo ultimamente, uma delas é dedicada à Roda de Choro de Bolonha, uma realidade que vem se estabelecendo já há alguns anos, e que tomou ainda mais força a partir do final de 2016. Com encontros semanais, músicos de várias partes, várias horas de música, achei que a Roda de Choro de Bolonha merecia ter uma música sua! Entre agosto e setembro de 2017 escrevi uma polca, denominada La Mortadella, em homenagem a essa espécie de salame róseo cujos detalhes não saberia descrever, mas que todos conhecem. Os bolonheses orgulhosamente afirmam que a mortadela…

1 of 15
12345