Roda de Choro em Montepulciano

Roda de Choro em Montepulciano

Pixinguinha dispensa apresentações; é o grande mestre de todos os chorões. Cientes deste fato, os Estúdios Chorísticos Irineu de Almeida não poderiam deixar de promover, nos dias 23 e 24 de abril (sábado e domingo) uma homenagem ao mestre aniversariante, com a participação de chorões de toda a Itália! Montepulciano, Milão, Roma, Bolonha, Torino, Gênova e sabe lá deus de onde mais, vão mandar seus representantes para a roda.

Não é de hoje que a Toscana recebe o Choro com o maior prazer. O duo Choro de Rua, já há alguns anos, flauteia por entre os típicos ciprestes toscanos; partindo dali, uma região com turistas do mundo todo, a música instrumental brasileira chega aos quatro cantos do mundo em um piscar de olhos.

Roda de Choro em Montepulciano

Roda de Choro em Montepulciano

Partituras

Mas voltando ao assunto principal: para participar das rodas em homenagem ao mestre, o Comitê Chorístico Internacional selecionou alguns choros essenciais para participar não só desta, mas de qualquer roda de choro que se preze: baixe o Caderno de Partituras, dê uma boa bizoiada nas músicas pra não chegar no dia que nem cachorro em dia de mudança, e depois… é só correr pro abraço! Como parte da homenagem ao mestre Pixinguinha, foi incluída uma de suas composições inéditas, as valsa “Mentirosa”.

Grandes nomes já confirmaram presença

Grandes nomes já confirmaram presença

Grandes nomes do Choro internacional já estão confirmando presença… você, chorão que avisada ou desavisadamente esteja passando aqui pelas redondezas, baixe as partituras e venha participar dessa super roda de choro! Para maiores informações, não deixe de me contatar.

O que ninguém sabia a respeito do impeachment

O que ninguém sabia a respeito do impeachment

E, claro, não podemos deixar de prestar atenção às boas maneiras para uma boa roda de Choro… eis cá quatro observações que devem sempre ser levadas em conta para esta e todas as rodas futuras, observações estas relevadas pela própria história do Choro.

Boas maneiras para uma boa Roda de Choro

1) é severamente proibido tocar em dinâmicas excessivamente fortes. O parâmetro para avaliação dos limites são os violões, que devem sempre ser ouvidos com clareza por todos, mesmo por quem esteja sentado a mesas de distância
2) os participantes são cordialmente convidados a abrir mão do direito de executar consecutivamente dois choros em a) Ré menor; ou b) em Sol maior
3) são passíveis de punição musical os chorões que deixarem cair o andamento das músicas
4) jamais dois pandeiros devem ser tocados simultaneamente

Leave a Reply