Odeon, de Ernesto Nazareth

Para quem leu o post imediatamente anterior, já é fato líquido, sabido e certo que Thierry Moncheny e Marco Ruviaro (sempre eu!) gravamos alguns choros em uma fatídica manhã na Picardia. O elemento motivador deste post é exatamente uma das gravações resultantes dessa experiência picárdica, o velho e bom choro Odeon, que recebe o nome de um cinema em que tocava Ernesto Nazareth, pianista e compositor que, via de regra, dispensa apresentações.

Odeon, Ernesto Nazareth

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

A bela manhã na Picardia (norte da França) aconteceu na casa do Thierry Moncheny no dia 31 de Março de 2011, em meio à Floresta dos Carnutos, onde druidas de diversas regiões se reúnem anualmente para debater sobre Choro e, tempo sobrando, também outras questões de suma importância.

11 Comments

  1. Lu da flauta · 9 May 2011

    muito legal marco. super bem entrosados os dois instrumentos… a introducão é linda! e quando começa o tema é emocionante!

  2. damiano · 9 May 2011

    excelente arranjo, excelente execuçao!

  3. Flavio B. · 9 May 2011

    Grande MArco!!!!

  4. Luís · 9 May 2011

    parabéns marcão vamos divulgar por aqui …
    Ficou muito legal essa gravação bandolim e violão. Nota 10 !!!
    Agora aproveitei o embalo, fim de tarde aqui no escritório e tô concluindo as tarefas do dia escutando “A Vida é um Buraco”, cuja gravação ficou muito boa tbm.
    Tem previsão de quando vc volta ao Brasil neste ano de 2011 ?
    Forte abraço.

  5. Caio Pontual · 10 May 2011

    Marco, muito bom. Arranjo inovador e gostoso.
    Um abraço.

  6. Paulo Bezulle · 10 May 2011

    Bravo! Muito bom! Já pirateei pro meu mp3, pode?!

  7. thiers hi · 10 May 2011

    pas mal

    on en jouera d autres quand tu viendras

  8. mãe da Gaia · 10 May 2011

    …. mas que instrumentos timidos… entram de mansinho… mas depois tambèm… ninguém segura!!!
    muito bom… aliàs… deliciosos chorinhos estes do teu blogggg!!
    quando è que a gente vai se ver pra chorar, rir, cantar um pouco??
    bjks marcuccio!!
    : )))

  9. Petrocino · 10 May 2011

    Olá Marco ! Nesse excelente arranjo podemos “degustar” bem a bela melodia e harmonia.
    PARABÉNS !
    Em tempo: não esqueça da minha “encomenda”, hein?!
    (o “Choro Italiano”)
    Abração !!

  10. Pedro Moura · 20 May 2011

    Grande Marco
    Muito bom gosto e originalidade como sempre.
    Parabens
    Sutileza emotiva

    Grande abraço

  11. Paulinho · 24 May 2011

    Marco

    Parabéns pelo arranjo; é importante dar um versão própria para a música.

Leave a Reply