Lançamento do CD em São Paulo

São Paulo, terra da garoa, paulicéia caótica. Onde nasci, onde aprendi a tocar Choro, onde tenho inúmeros caros amigos chorões. Nada melhor do que, pois, fazer aqui o lançamento oficial do meu novo álbum Acabou o sossego…, a minha primeira aventura autoral — que, aliás, foi muito bem recebida pelo público paulistano.

Lançamento do álbum "Acabou o sossego…" em São Paulo, abril/2014

Lançamento do álbum “Acabou o sossego…” em São Paulo, abril/2014

Os primeiros shows foram no SESC São Caetano, no dia 5 de abril, e no SESC Ipiranga, no dia 9 de abril. Em ambas as ocasiões, fui acompanhado de outros músicos feríssimas, igualmente parceiros de longa data: Gian Correa ao violão 7 cordas e Roberta Valente ao pandeiro. Anos atrás, quando o Gian decidiu trocar o cavaquinho pelo violão, todo mundo achou um absurdo. Mas hoje o que temos é um dos melhores 7 cordas de São Paulo. Toque audaz e de responsa. A Roberta com seu pandeiro deixa tudo limpo, ritmo claro, o apoio ideal de que todos os outros músicos precisam. Som refinado e de bom-gosto.

No show do dia 9, tive ainda a honra de, no palco, estar ao lado de um dos monstros do clarinete brasileiro: meu amigo desde idos tempos Alexandre Ribeiro, um verdadeiro mestre das chaves, registros e ébanos. É o que eu sempre digo: quando eu crescer, quero tocar clarinete que nem ele.

Show de lançamento do "Acabou o sossego…" com Roberta, Alexandre e Gian

Show de lançamento do “Acabou o sossego…” com Roberta, Alexandre e Gian

O terceiro e último show desta turnê paulistana foi no Centro Cultural São Paulo, no dia 24 de abril de 2014 (quinta-feira, às 20h30min, entrada gratuita). A Sala Jardel Filho foi tomada pelos choros que venho escrevendo nos últimos anos e que agora estão reunidos no meu disco Acabou o sossego.

Show no Centro Cultural SP

Show no Centro Cultural SP

Bem no espírito de multiplicidade instrumentística deste CD, o quarteto neste show foi diferente. Tive o enorme prazer de contar com outros grandes parceiros no palco, em uma formação bastante típica de regional de Choro. Uma sonoridade um pouco diferente dos dois primeiros shows, com a saída do clarinete e a inclusão do cavaquinho.

Marco Ruviaro, bandolim
Alessandro Penezzi, violão 7 cordas
Milton de Mori, cavaquinho
Léo Rodrigues, pandeiro

O que falar desse músicos? Difícil. O Miltinho e seu cavaquinho irrequieto, que centra mas joga também na lateral e na zaga. O pandeiro do Leo é preciso e seguro, cheio de sutilezas e variações na medida certa. E o Penezzi, então? Pouco o vemos no papel de 7 cordas tradicional, mas quando ele começa a desfiar as baixarias como manda o figurino, com dedeira e corda de aço, vixmaria, sai de frente.

Ruviaro e Penezzi, tocando em duo a valsa "Assim disseste"

Ruviaro e Penezzi, tocando em duo a valsa “Assim disseste”

Não posso deixar de agradecer aos meus produtores, Rafael Altro, Roberta Valente e Mariza Ramos. Sem o dedicado trabalho deles, esses shows não teriam sido possíveis! Se você deseja contribuir a este projeto, encomende já a sua cópia do CD Acabou o sossego… através do formulário online! Você receberá o seu exempliar em casa com toda a comodidade.

Acabou o sossego… meu CD autoral

Acabou o sossego… meu CD autoral

Ah sim, não bastasse o prazer de tocar ao lado do Alexandre, ele ainda me emprestou o seu histórico clarinete Buffet Crampon R13 para eu seguir estudando nessa minha estada aqui em São Paulo. Valeu, Alê!

Eu com o clarinete Buffet do Alexandre!

Eu com o clarinete Buffet do Alexandre!

1 Comment

  1. Marco Ruviaro · 16 May 2014

    Mais algumas fotos dos shows em São Paulo!

Leave a Reply